Je ne sais quoi

Bonjour!

Uma coisa que ninguém pode negar é a veia fashionista com a qual as parisienses nascem. Elas costumam chamar de “je ne sais quoi” (que, traduzido literalmente, significa “não sei o quê”), mas, no caso das parisienses, queremos saber exatamente o quê, quando, como e até o porquê!

Querendo desmistificar o tres cool style das francesas, achei melhor começar pela fonte: os ícones fashion.

Gabrielle Bonheur Chanel, nossa querida Coco, revolucionou a moda feminina da década de 1920, reproduzindo sua própria imagem em suas criações: a de uma mulher independente, com personalidade e bem-sucedida. A bolsa com alças de corrente dourada, o colar de pérolas, o tailleur e o vestido preto são os símbolos de elegância e status que marcaram para sempre a história da moda.

coco-chanel211

 

Jane Birkin (famosa atriz e cantora inglesa que mora na França), durante uma viagem de avião de Paris para Londres, em 1981, sentou-se perto do então diretor da Hermès  Jean-Louis Dumas. Birkin acabara de colocar sua bolsa de palha no compartimento de bagagem de seu assento, mas o conteúdo caiu no chão, devido à bolsa ser aberta. Ela então explicou a Dumas que tinha sido difícil encontrar uma bolsa de couro que ela gostava. Em 1984, ele criou uma bolsa de couro flexível preto para ela: a bolsa Birkin. Obrigada Jane!

jane-birkin-minidress

Brigitte Bardot, ex-atriz francesa, conhecida mundialmente por suas iniciais, BB, imortalizadas na canção de Serge Gainsbourg. É considerada o grande símbolo sexual das décadas de 1950 e 1960, e, após se afastar do mundo do entretenimento, se tornou ativista em prol dos animais. Foi a mulher francesa mais famosa do século XX, e serve como influência até hoje.

Brigitte Bardot - 1960

Catherine Deneuve, atriz francesa respeitada mundialmente, considerada modelo de elegância e beleza. Na década de 1960, fez a reputação de símbolo sexual frio e inalcançável, através de filmes em que interpretava donzelas lindas e frígidas Se casou com o icônico fotógrafo inglês David Bailey.

catherine deneuve vogue paris

Esses são só alguns exemplos do que as francesas são capazes de causar no mundo.

Hoje, mulheres como Clémence Poésy, Elisa Sednaoui (afilhada de Christian Louboutin), Lou Doillon, Marion Cotillard e Inès de la Fressange são quem nos inspiram com o fino estilo francês.

Com tanta peso no mundo da moda, há de se esperar que de lá também tenham surgido várias das marcas mais cobiçadas, tais quais são Chanel, Dior, Hermès, Givenchy, Lanvin, Louis Vuitton, Bourjois, Yves Saint Laurent e Balenciaga, além das novas que tem tomado espaço no mercado, como Zadig & Voltaire, Comptoir des Cotonniers, Sandro, Maje, Claudie Pierlot e The Kooples.

“Com as mulheres francesas, primeiro você vê a mulher, e então você vê as roupas”, Carine Roitfeld disse ao descrever a essência do estilo francês. “É mais do jeito que você mistura as roupas e como você se move, como você abre o seu saco, como você cruza as pernas. Apenas pequenas coisas que fazem a diferença”.

 

Au Revoir!

 

Xxx- Carol

 

Anúncios

Paris Fahion Week/Algumas explicações

Hallo!

Faz tempo que não apareço por aqui, não é?

Primeiramente, desculpas… “Segundamente”, as explicações: sou apenas uma aluna do terceirão que resolveu virar responsável com os estudos no ano mais carrasco de todos os anos escolares porque quer passar no vestibular, então, bem… Eu faço o dever de casa e estudo! Sim, se assustem. Com tudo isso (e pode ter certeza que não é pouca coisa), não sobra muito tempo para internet, pesquisar conteúdo pro blog e afins…

“Mas você não faz nada de meia noite às seis!”. Calúnia! Tenho um hábito um tanto quanto estranho, de dormir, sabe? E não posso evitá-lo nos fins de semana também… Cuidar de um blog dá trabalho, gente, e infelizmente (mesmo) eu não tenho tanto tempo de sobra esse ano. Passar no vestibular está acima de “blogar” na minha lista de prioridades…

Mas já que eu estou aqui… Paris Fashion Week está rolando! E como já comecei as “aulas de história” sobre as “Big 4”, não posso deixar Paris de fora, seria um crime!

Como o nome já diz, é realizada em Paris (França), e ocorre semestralmente no Carrousel du Louvre. É a última das Big 4 a acontecer. As datas dos desfiles são determinadas pela Federação da Moda Francesa.

Em 2013, Paris Fashion Week (Outono / inverno) começou dia 26 de fevereiro com Moon Hee Young, e foi seguida por shows de grandes casas de moda, tais como Louis Vuitton, Comme des Garçons, Christian Dior, Balenciaga, e muito mais. Esses desfiles são realizados para mostrar a indústria da moda o que os vários rótulos estará lançando e aumentar as vendas para as marcas. Os melhores modelos são apresentados na mostra, e passarelas deve ser aperfeiçoado para eles. Além de Ready to Wear mostra, há homens e mostra Haute Couture, que são realizadas semestralmente para as estações primavera/verão e outono/inverno.

Este não será o último post do blog até o ano que vem, longe disso! Eu ainda não sei qual curso quero, o que “gosto”, qual faculdade escolher e afins. Não se assustem se de vez em quando aparecer por aqui algum post sobre determinado curso de graduação, sobre faculdades ou um tanto de chatice que vestibulando tem que aprender pra passar no Enem e que pode esquecer depois… Eu apenas não vou me comprometer em atualizar o blog semanalmente.

Se você por algum acaso gosta do blog e gostaria de ficar sabendo quando sair algum post novo, curta nossa página no Facebook, pois os links dos posts sempre estarão lá!

 

xxx -Carol